PROCESSO DE ADMISSÃO À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA: CONTRIBUIÇÕES DAS POLÍTICAS PÚBLICAS

Autores

  • daniela imaculada pereira costa Unimontes - MG

Palavras-chave:

Educação Profissional Tecnológica; Processos de Admissão; IFNMG.

Resumo

Para acessar a qualificação profissional por meio do ensino técnico
profissionalizante, é necessário se submeter a processos seletivos de admissão, os
quais têm como objetivo selecionar aqueles que atendem a critérios estabelecidos
para os cursos almejados. Nessa óptica, intenta-se verificar como as políticas públicas
de educação, inclusive a educação profissional e tecnológica, influenciam no processo
de admissão de discentes para os cursos técnicos do Instituto Federal do Norte de
Minas Gerais - Campus Janaúba. Esta pesquisa se caracteriza como bibliográfica,
apoiada na literatura publicada em material físico e virtual; e documental, para a qual
são basilares documentos oficiais sobre o processo de admissão. As políticas
educacionais quantificam a aprendizagem, estimulando a competitividade, que exclui
os que têm mais dificuldade e acentua a desigualdade social. Por outro lado, elas
podem incentivar a individualidade, por meio da meritocracia, permitindo que alguns
acessem os cursos técnicos pela classificação em processo seletivo com prova de
vestibular. Apesar disso, as ações institucionais da educação profissional e
tecnológica podem auxiliar na superação parcial da exclusão social, por
disponibilizarem cursos técnicos integrados ao ensino médio com propostas
pedagógicas que valorizam saberes, experiências e culturas e preparam para o
mundo do trabalho.

Downloads

Publicado

01/04/2024